Síndico ameaça envenenar grama de prédio no DF: “Cachorro aqui vai morrer”

Caso ocorreu na manhã desta quarta-feira (22/7), no Sudoeste. Responsável pelo prédio alega que área verde é propriedade particular

O vídeo do síndico de um prédio no Sudoeste ameaçando colocar veneno no jardim do condomínio para evitar que cachorros circulem pelas imediações do local ganhou as redes sociais nesta quarta-feira (22/7). Na gravação, o homem discute com mulheres que estavam passeando com os animais de estimação e afirma: “se vier cachorro aqui, vai morrer”.

O caso ocorreu no bloco B da SQSW 103. De acordo com a estudante Isabella Caetano, 24 anos, a confusão começou quando a mãe dela passeava com as duas cachorrinhas que tem. “Somos moradoras de outro prédio na mesma quadra. No momento em que ela passou pelo prédio, veio esse homem aos gritos dizendo que ali era área particular, sendo que é pública”, conta.

No vídeo gravado por ela, o homem é claro ao dizer que não quer que animais circulem pelo gramado. “Cachorro anda na quadra”, ele afirma. Em outra parte da discussão, o síndico faz a ameaça de espalhar veneno na área. “Vou colocar porque aqui não é lugar de andar cachorro”.

Confira:

A preocupação de Isabella é que as ameaças se concretizem e cachorros da quadra comecem a morrer após passar pelo local. “Por ser síndico, ele tem certa autonomia de mexer com produtos do prédio e pode realmente envenenar a grama”, diz.

A estudante chegou, inclusive, a registrar um boletim de ocorrência para que a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) investigue o caso.

A reportagem entrou em contato com o Bloco B da SQSW 103, mas o síndico não atendeu as ligações. O espaço segue aberto para posicionamento.

Fonte: https://www.metropoles.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *