OAB e Movimento Maria Cláudia unidos pelo bem-comum

www.oabdf.org.br

SETOR DE EVENTOS TRABALHA PELA RECONSTRUÇÃO DA IMAGEM DA OAB/DF
Brasília, 13/01/2011 – A Coordenação de Eventos da OAB/DF esteve por trás de grande parte da atuação da Seccional em 2010. Com a função de auxiliar a diretoria, as comissões e as subseções na realização do calendário oficial, campanhas e ações sociais, o trabalho feito ao longo do ano foi fundamental para a reconstrução da Ordem perante o advogado e a sociedade do Distrito Federal.

O cinquentenário da Casa tornou a agenda movimentada. Debates, seminários, solenidades e comemorações preencheram o calendário do advogado brasiliense. Um dos eventos mais prestigiados foi a XIX Corrida do Advogado, realizada no final de agosto. A organização foi elogiada por grande parte dos cerca de mil participantes e pelos espectadores.

Outro exemplo da contribuição dada foi visto na aplicação do Exame de Ordem. Nos dias de prova foi instalada uma tenda para recepcionar os candidatos com a distribuição de um kit com barra de cereais, caneta e água. “É importante que os futuros advogados percebam nossa presença e se sintam acolhidos”, frisou a coordenadora de eventos Patrícia Andrade.

As ações sociais tiveram especial atenção do setor. A atuação se dá em conjunto com todos os setores da Ordem e comissões como as de Direitos Humanos, Direitos Sociais, Mulher Advogada, Direito Ambiental e Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Em 2010, dezenas de creches e instituições de amparo a deficientes, idosos e outros necessitados contaram com a ajuda da OAB/DF.

Para Patrícia, “a Ordem tem uma responsabilidade social muito grande e por conta disso há mais do que a obrigação de ajudar”.

Às vésperas do Natal, a Coordenação de Eventos sugeriu à diretoria da Seccional a doação de 464 móveis e utensílios que se encontravam em depósito. O setor mobilizou-se para, em parceria com a entidade assistencial Movimento Maria Cláudia pela Paz, fazer a entrega do mobiliário a três instituições de amparo.

Para 2011, os planos incluem a continuidade no trabalho de apoio a todos os setores da OAB/DF, como o planejamento de eventos e ações realizadas pelas subseções, para obtenção da melhor relação custo-benefício nos materiais e estrutura necessários. No calendário deste ano, a VII Conferência dos Advogados do Distrito Federal, em junho, será um dos carros-chefes.

Demétrius Crispim
Assessoria de Comunicação – OAB/DF
OAB/DF DISTRIBUI ALIMENTOS PARA ENTIDADES CARENTES
Brasília, 10/01/2011 – A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do Distrito Federal, doou, na sexta-feira (07/01), 22 chesteres para a Ação Social Recomeçar, creche em Samambaia que atende crianças e adolescentes e também à Fundação Assistencial Lucas Evangelista (Fale), que atende adultos e crianças portadores de HIV.

A coordenadora da Fale, Adriana de Oliveira, relembrou a visita da Comissão de Direitos Sociais, que distribuiu roupas, brinquedos e calçados para as crianças, em dezembro de 2010. “Toda ajuda é bem-vinda, em qualquer época do ano. Peço a Deus que abençoe vocês e a todos que colaboraram. Mesmo se eu falasse todas as palavras, não seriam suficientes para agradecer a ajuda. Muito obrigada! Que Deus ilumine cada um”.

A Ação Social Recomeçar funciona desde 2003. Hoje assiste 150 crianças e adolescentes. “Eu sou secretária, faço tudo. Se precisar, limpo, cozinho, cuido das crianças”, afirmou Ivaneide da Silva. Ao apresentar cada espaço da creche a equipe da OAB/DF, contou que o local é sustentado por doações e agradeceu: “Veio numa boa hora. É um gesto muito bonito. Se todas as pessoas tivessem atitudes como a da OAB/DF, o mundo estaria bem melhor”.

Thayanne Braga
Assessoria de Comunicação – OAB/DF

OAB/DF FAZ DOAÇÃO DE 464 MÓVEIS PARA MOVIMENTO SOCIAL
Brasília, 28/12/2010 – A OAB/DF doou, às vésperas do Natal, na quinta-feira (23/12), 464 móveis e utensílios não utilizados pela Seccional para o Movimento Maria Cláudia pela Paz. “São mesas, cadeiras, carteiras e computadores que não atendiam mais as necessidades da Ordem, mas que podem fazer a diferença na vida de outras pessoas”, constatou o presidente da OAB/DF, Francisco Caputo.

O Movimento Maria Cláudia pela Paz foi criado em 2005 por Cristina Del’Isola, psicopedagoga, que em 2004 amargou a dor de perder de forma atípica sua filha Maria Cláudia. A fundadora do movimento superou a tragédia e fez “das trevas luz ao ajudar de diversas formas aos que precisam”, com mais de 600 voluntários. Além de contribuição material a creches, asilos e outras instituições, o movimento ajuda a realizar sonhos.

As carteiras que pertenciam a Escola Superior de Advocacia (ESA/DF) foram doadas ao Instituto Nossa Senhora da Piedade que atende, no Lago Sul, 140 meninas de 4 a 12 anos. As crianças pertencem a famílias de baixa renda que moram em São Sebastião, Itapoã e Paranoá. “Com esses mobiliários, o Instituto poderá futuramente oferecer o turno da noite”, comemora Cristina.

Os outros móveis foram doados para a Ação Social Recomeçar, creche em Samambaia que atende crianças e adolescentes; e para a Fraternidade Assistencial Lucas Evangelista (FALE), que atende adultos e crianças portadores do vírus da AIDS. “Em nossas vidas há momentos de descrença. Vivendo o que eu já vivi, quando vejo a ação da OAB/DF, que age com total transparência no sentido de se aproximar, de se envolver, de se engajar, renasce em mim a esperança. A forma como a OAB se aproxima do Movimento Maria Cláudia pela Paz é como se Deus fizesse um carinho no meu coração”, reconhece Cristina.

Todo o processo de doação do material para o Movimento Maria Cláudia pela Paz foi organizado pela coordenadora de eventos da OAB/DF, Patrícia Andrade, que um dia antes da véspera de Natal, encheu um caminhão com os móveis. Segundo ela, “ninguém é tão bom quanto todos nós juntos. Eu sempre falo isso. Quando todos se juntam, as coisas acontecem. Quando as pessoas têm o verdadeiro amor de ajudar o próximo, não importa quem é o próximo, elas têm a capacidade de mudar muita coisa”.

Assessoria de Comunicação – OAB/DF