Duas mulheres e uma criança ficam reféns de bandidos em sequestro relâmpago

postado em 28/05/2015 15:21

Nathália Cardim

Os bandidos pediram R$ 5 mil e ameaçaram matar a criança.
A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) investiga o sequestro relâmpago de duas mulheres e uma criança de um ano e dez meses, na madrugada desta quarta-feira (27/5). De acordo com a corporação, o crime ocorreu por volta das 00h15, na 408 Sul. Elas paravam o carro no estacionamento do prédio residencial no momento em que foram abordadas por dois bandidos que mandaram as vítimas entrarem no veículo e dirigiram pela cidade com elas.Em depoimento à Polícia, uma das vítimas relatou que um deles assumiu a direção enquanto o outro sentou-se ao lado da cadeirinha de bebê no banco traseiro e, sob ameaça, apontava para a cabeça da menina com um revólver. Ainda segundo as mulheres, primeiramente eles pediram a quantia de R$ 5 mil e depois R$ 2 mil para libertá-las. Diziam ainda que se o valor não fosse pago, iriam matar a criança.

Leia mais notícias em Cidades

As vítimas informaram que não tinham o dinheiro após serem levadas pelos bandidos a uma agência bancária que estava fechada. Eles foram até um posto de gasolina na tentativa de conseguir a quantia, mas como não foi possível fazer o saque, seguiram com as três para Valparaíso, onde elas foram abandonadas em uma área residencial.

A ocorrência foi registrada na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), que investiga o caso. Até a publicação desta reportagem, nenhum suspeito havia sido localizado.

Site: www.correiobraziliense.com.br