Pai de estudante morta na UnB comenta a perda da jovem

O tenente do Exército Ronald Ribeiro, pai da estudante, destacou que a jovem era “estudiosa” e que sempre avisava onde estava para a família

image001

Isa Stacciarini , Nathália Cardim /
Arquivo pessoal
Jovem havia entrado em contato com a família na noite de ontem
O pai da estudante Louise Maria da Silva Ribeiro, 20 anos, falou com a reportagem do Correio Braziliense no início da tarde desta sexta-feira (11/3). O tenente do Exército Ronald Ribeiro, 49 anos, lamentou a morte da filha. “A gente lamenta que a sociedade esteja nesse nível. Ela era uma menina de 20 anos, estudiosa, sem vícios. Não era de frequentar baladas e sempre foi uma boa filha”, relatou.

Segundo o pai, a jovem sempre avisava quando saía e não deixava a família sem notícias. Ele contou, ainda, que ela não participou da festa da calourada na noite desta quinta (10/3). Duas ambulâncias do Exército Brasileiro estão no local e médicos e enfermeiro subiram para a residência da família para prestar assistência.

O clima na quadra em que ela morava, na 102 Norte, é de comoção e desespero. Amigas, parentes e conhecidos da família, dentre eles, muitos militares, chegam a todo momento. Muitos se emocionam e choram ao receber a confirmação da notícia do assassinato da jovem.

Luto

O Instituto de Biologia da Universidade de Brasília (UnB) está de luto. A professora Andréa Queiroz Maranhão disse que as aulas estão suspensas mas que, na segunda-feira, às 10h, fará uma homenagem à estudante no jardim do instituto. Um professor da jovem contou que ela assistiria duas aulas com ele ontem. A primeira terminou 17h40 e ela estava presente. A próxima seria por volta de 19h, e ela não compareceu.

Também há ambulâncias e profissionais de saúde no Departamento de Biologia, para apoiar amigos da jovem que estudam na UnB. Diversos universitários se reuniram no local.

Nas redes sociais, a comoção também é grande e, a todo momento, surgem relatos de amigos e estudantes da instituição lamentando a perda da jovem e relatam a importância de Louise. Todos se mostram chocados com o caso e desejam força aos familiares da estudante de biologia.

A notícia de que o corpo da estudante Louise Ribeiro foi encontrado no campus da Universidade de Brasília, na manhã de hoje, chocou o Distrito Federal. A jovem foi vista pela última vez por amigos da UnB por volta das 12h desta quinta-feira (10/3), quando ia para o estágio no Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama), na L4 Norte. Segundo informações da Polícia Militar, um colega de curso confessou o crime e mostrou aos policiais a localização do corpo.

(Colaborou Luiz Calcagno)

site:www.correiobraziliense.com.br